A rotina do motorista de caminhão, que inclui noites mal dormidas, excesso de trabalho e hábitos pouco saudáveis nas refeições, aumenta a possibilidade do desenvolvimento de problemas de pressão arterial, obesidade e diabetes e também as chances dele “apagar” ao volante e provocar graves acidentes.

É importante ressaltar que mau súbito é diferente de morte súbita, que ocorre quando de fato a pessoa falece repentinamente.

O mal súbito não apresentar sintomas  prévios mas é possível que algumas pessoas sintam incômodo no peito, batimentos cardíacos acelerados, mal-estar, enjoo, dor de cabeça, falta de ar. Então fique de olho a esses sinais e se previna.

Confira algumas dicas que podem prevenir este tipo de situação:

  1. Durante a viagem, mantenha-se alimentado e hidratado.
  2. Dê preferência a alimentos leves e de fácil digestão, como frutas, legumes e verduras.
  3. Evite doces, frituras e gorduras.
  4. Durma bem antes de qualquer viagem de automóvel. O sono e o cansaço são grandes inimigos da viagem segura.
  5. Antes de dirigir, não faça refeições pesadas. A digestão demorada aumenta a sonolência.
  6. Na estrada, não descuide nem por um instante. Muita atenção ao realizar ultrapassagens. Só ultrapasse quando tiver certeza de que é seguro.
  7. Não use estimulantes como rebite e outros produtos. Você pode até ficar alerta, mas o corpo continua cansado e, quando o efeito passar, você será pego de surpresa.
  8. Quando o cansaço começar a bater, não insista. Pare em lugar seguro e descanse um pouco.
  9. O condutor deve programar paradas a cada três horas, caso ele dirija por mais de quatro horas seguidas, corre o risco de comprometer sua circulação e, consequentemente, os seus movimentos, por permanecer muito tempo na mesma posição.
  10. Se dirigir, não beba. Álcool provoca sonolência, desatenção, reflexos lentos, entre outras consequências.