A Dersa – Desenvolvimento Rodoviário S/A publicou no dia 7 de fevereiro no Diário Oficial do Estado a relação das empresas pré-qualificadas a apresentar proposta comercial para as obras de duplicação do Trecho de Planalto da Rodovia dos Tamoios (SP-099), do Km 11,5 ao Km 60,48, no Empreendimento Nova Tamoios. Após a publicação, as licitantes terão prazo de cinco dias úteis, ou seja, até 14 de fevereiro, para apresentar eventuais recursos e contra-recursos. Depois dessa etapa, a Dersa publicará o edital para a apresentação da proposta comercial.
As obras, conforme descrito no edital, serão composta de dois lotes. O Lote Um está localizado entre o Km 11,5 e o Km 35,8 e o Dois vai do Km 35,8 ao Km 60,48. O investimento total será de está estimadas em R$ 775 milhões. Além disso, cinco consórcios (duas empresas cada um ) e oito construtoras, que optaram por concorrer isoladamente para as obras duplicação da rodovia, foram habilitados após a análise dos envelopes de Documentação e Metodologia. Dos cinco consórcios, quatro deles concorrem nos Lotes Um e Dois, enquanto um quinto consórcio escolheu apenas o Lote Um. No caso das construtoras que participam isoladamente, duas apostam no Lote UM, duas no Lote DOIS e a quatro últimas nos dois Lotes.
O trecho de Planalto da rodovia dos Tamoios, compreendido entre o Km 11,5 e o Km 60,48, percorre dos municípios de São José dos Campos, Jacareí, Jambeiro  Paraibuna. A duplicação da Tamoios, que opera em pista única em quase todos os seus 80 quilômetros entre São José dos Campos e Caraguatatuba, proporcionará melhor qualidade operacional, elevando o nível de segurança do trecho. O cronograma de duplicação prevê o início das obras para abril de 2012, com conclusão em 20 meses (dezembro de 2013). A duplicação do trecho de Planalto da Tamoios já conta com Licença Ambiental Prévia (LP), aprovada em 13 de dezembro.